Missão:

Compartilhar conhecimentos sobre a filosofia Trend Following de investimentos, mostrando que seguir as tendências de preços é a mais segura e tranquila forma de investir em ações e commodities.


Mostrando postagens com marcador Vídeos. Mostrar todas as postagens
Mostrando postagens com marcador Vídeos. Mostrar todas as postagens

Seguindo Têndencias na BM&F Bovespa (11/09/016) Análise Semanal

domingo, 11 de setembro de 2016

CAMINHANDO E SEGUINDO TENDÊNCIAS - TREND FOLLOWING BOVESPA

Palestra sobre o método seguidor de tendências realizada por Fernando Vieira.

Gostou?

Comente e compartilhe!



https://youtu.be/uNIquMgc4VA





Caminhando e seguindo tendências. Trend Following.

segunda-feira, 15 de setembro de 2014

Entrevistamos o Fábio Figueiredo - Vlad Luxx

quarta-feira, 17 de julho de 2013

Fábio Figueiredo. 
Com formação em Finanças pela UCS (Universidade de Caxias do Sul), iniciou sua atividade como trader em 2006 e em 2007 participou de treinamentos da Leandro&Stormer. É conhecido na comunidade do site como Vlad Luxx. Ministra treinamentos relacionados ao mercado desde 2009. Também é agente autônomo de investimento certificado pela CVM.

Olá pessoal, compartilhamos com vocês a entrevista com o Fábio Figueiredo, conhecido na internet como Vlad Luxx, em um bate-papo rápido e bem informal sobre o Mercado.

Assuntos: 
- Necessidade de preparação e identificação do perfil de cada investidor;
- Manejo de Risco;
- Caso OGXP3;
- Perfil pessoal de operação;
- Conselhos para quem está perdido em um mercado baixista.

Excelente entrevista, recomendamos a todos!


http://youtu.be/F0DUwUKpweA





Gostou? Fique a vontade e compartilhe!

Discutindo os Elementos Essenciais!

terça-feira, 9 de julho de 2013

Edward Arthur Seykota (nascido em 7 de agosto de 1946) é um trader, que estudou Engenharia Elétrica no MIT e Gestão na MIT Sloan School of Management , ambas em 1969. Em 1970, ele foi pioneiro na negociação de sistemas utilizando computadores, que eram antigos cartões perfurados, para testar idéias sobre negociação dos mercados.

Seykota é um trader que, em 1970, foi pioneiro em um sistema de trade computadorizado (agora conhecido como trading System) para o mercado de futuros, na corretora que ele e Michael Marcus estavam trabalhando. Mais tarde, ele decidiu se aventurar por conta própria e gerir algumas das contas dos seus clientes.

Muito do sucesso de Seykota foi atribuído ao seu desenvolvimento e utilização de sistemas de negociação computadorizados. Mais tarde, a corretora que ele estava trabalhando adotou o seu sistema para seus negócios.

Seu interesse na criação de um sistema informatizado foi desovado depois de ler uma carta de Richard Donchian que seguia tendências de forma mecânica, seguindo seu sistema de trade. Ele também foi inspirado no livro Memórias de um Operador da Bolsa, de Edwin Lefèvre . 

Seu primeiro sistema de trade foi desenvolvido com base em simples cruzamentos de médias móveis exponenciais.
Ed Seykota, Market Wizards
"Os sistemas não precisam ser alterados. O truque é para um trader é desenvolver um sistema com o qual é compatível."

Ed Seykota segue uma metodologia de trading bastante simples, constituída por três fases:

1 - Análise da tendência de longo prazo;
2 - Análise da tendência de curto prazo;
3 - Escolha de um ponto de entrada em sintonia com a análise de tendência de longo prazo.


Hum, acho que vi  estas regras acima em algum lugar !
 Alguém sabe onde?

Resumindo as regras de Ed Seykota eram:

  1. - Mantenha as posições vencedoras;
  2. - Corte suas Perdas;
  3. - Manejo de Risco;
  4. - Use stops;
  5. - Siga o Planejamento;
  6. - Arquive as Notícias (no lixo).


Vejam o vídeo, acrescido de legendas, para facilmente entender a filosofia Trend Following, por Ed Seykota!

http://youtu.be/NC5iXBGUiGc




Confira o vídeo legendado da música acima!

Vale a pena seguir a risca os ensinamentos!

Whipsaw ("Violinada")
You get a whip and I get a saw, honey
You get a whip and I get a saw, babe
You get a whip and I get a saw
One good trend pays for ‘em all
Honey, trader, ba-by mine
What do we do when we catch a trend, honey
What do we do when we catch a trend, babe
What do we do when we catch a trend
We ride that trend right to the end
Honey, trader, ba-by mine
So you get a whip and I get a saw, honey
You get a whip and I get a saw, babe
You get a whip and I get a saw
One good trend pays for ‘em all
Honey, trader, ba-by mine
What do we do when we show a loss, honey
What do we do when we show a loss, babe
What do we do when we show a loss
We give that dag-gone loss a toss
Honey, trader, ba-by mine
How do we know when our risk is right, honey
How do we know when our risk is right, babe
Well, how do we know when our risk is right
We make a lot of money and we sleep at night
Honey, trader, ba-by mine
Well, what do we do when the price breaks through, honey
What do we do when the price breaks through, babe
What do we do when the price breaks through
Our stops are in so there’s nothing to do
Honey, trader, ba-by mine
What do we do when a drawdown comes, honey
What do we do when it gets real big, babe
What do we do when it’s even bigger
We stick to the plan and pull the trigger
Honey, trader, ba-by mine
What do we do with a hot news flash, honey
What do we do with a hot news flash, babe
What do we do with a hot news flash
We stash that flash right in the trash
Honey, trader, ba-by mine

Entrevista com Christian Cayre (CHR Investor)

terça-feira, 25 de junho de 2013


O Blog Trend Following Bovespa tem o prazer de apresentar  a excelente entrevista com Christian Cayre, do site CHR Investor (www.chrinvestor.com).

Assuntos:
- A aparente dicotomia entre as Análises Fundamentalista e Técnica;
- Situação atual do Mercado;
- Finanças Comportamentais;
- Seleção de ativos como requisito indispensável para seguir tendências.

Compartilhem e curtam, se gostarem!

http://youtu.be/w0Fl9DY6_I0


Simetria Sanfonada com Marcio Noronha

segunda-feira, 27 de maio de 2013

Excelente palestra com o Márcio Noronha, vale muito a pena assistir. 

Observem que o mais conceituado analista técnico do Brasil segue tendências a muito tempo.


http://youtu.be/1eT1Kkt6w7A


Por que não acreditar no consenso e estar sempre passível a mudar?

domingo, 28 de abril de 2013


Por que reagir ao movimento de preços e não prevê-los?

Por que não acreditar no consenso e estar sempre passível a mudar?

Por que ser especulador e seguir tendências ao invés de fincar raízes?

Alguém se lembra da ELPL4, considerada um os mais seguros investimentos para dividendos?

Ou da OGXP3, promessa de sucesso?

Será que Eike acerta a sua previsão mostrada na foto para a OGXP3? 

Confiram uma entrevista com o Nassin Taleb:

http://youtu.be/NxwN2MRbkho





Abaixo posto um artigo retirado da Revista Veja:

Fonte original: http://veja.abril.com.br/011008/p_090.shtml

Nassim Taleb: contra a futurologia


Especial Previsões
Contra a futurologia

Monica Weinberg
O libanês Nassim Taleb, 48 anos, doutor em probabilidade pela Universidade de Paris, diz que é patente loucura tomar decisões com base nos modelos matemáticos usados para fazer previsões sobre o comportamento do mercado financeiro. No entanto, é exatamente esse o passatempo preferido em Wall Street. Ele é expoente de uma corrente de economistas que se recusam a fazer o papel de futurólogos. "Ninguém espera que um médico saiba se haverá uma epidemia de sarampo no próximo ano ou que um biólogo diga como evoluirá a tromba dos elefantes, mas muita gente espera que um economista saiba exatamente quando virá a próxima crise da bolsa ou a próxima recessão", diz Timothy Taylor, economista da Universidade Stanford. Nassim Taleb trabalhou vinte anos em Wall Street, é professor de ciências das incertezas na Universidade Nova York e autor de The Black Swan (A Lógica do Cisne Negro, Best Seller). A editora Monica Weinberg o ouviu sobre sua aversão às previsões e sobre a atual crise de liquidez nos mercados financeiros.
Da riqueza ao pó – As instituições financeiras, apesar de se apresentarem como sólidas e conservadoras, vivem sentadas sobre verdadeiras bombas-relógio. Todos os dias, os bancos se expõem a um conjunto incalculável de riscos, em especial nas operações básicas, como financiamento de hipotecas e toda sorte de empréstimos. Curioso é que, no longo prazo, os bancos jamais ganharam um centavo com isso. Podem até lucrar muito por um bom tempo, mas esse dinheiro vira pó na primeira crise. Tudo indica que os Estados Unidos sairão dessa, mas restará um problema a ser enfrentado. O mercado financeiro ainda não entendeu que os riscos nesse negócio são infinitamente maiores do que aparentam ser.
Nas previsões os riscos somem – No setor financeiro, as pessoas preferem confiar em cenários futurísticos, que freqüentemente minimizam os riscos, a se defender do inesperado. Comparo os banqueiros aos perus. Durante todos os dias do ano, as pessoas alimentam tais aves, e cada refeição reforça nelas a crença de que a regra geral da vida é receber comida da espécie humana. Até que o açougueiro decide abatê-las. A ingenuidade do mercado financeiro, tal qual a dos perus, é não encarar o fato de que o passado fornece poucas pistas sobre o que virá no futuro. É preciso livrar-se da idéia absurda de que previsões otimistas bastam para controlar os riscos. Estudei esse assunto nos últimos vinte anos e concluí que 27 000 das principais previsões feitas pelos economistas nesse período não se confirmaram. A maioria delas passou longe do alvo. Nos Estados Unidos, dizia-se que o preço do petróleo estaria hoje em torno de 30, 35 dólares... Passou de 120. O número mágico para 2020 diz que o barril não passará de 25 dólares. Dá para acreditar? O problema é que os governos adoram essas previsões e constroem suas políticas baseados nelas. No dia-a-dia as pessoas incorrem no mesmo erro.
Prever e errar, é só começar – Os modelos estatísticos conseguem prever com bastante precisão as chances de sucesso em jogos de azar, a altura a que chegará uma criança na idade adulta ou a temperatura do dia seguinte. Em todos esses casos, as projeções podem se apoiar numa lógica já observada no passado, uma vez que obedecem a um padrão bem determinado. Mas, em um mundo tão complexo como o atual, são muitos os eventos inesperados e estes passam invisíveis aos olhos dos estatísticos. Tais situações, impossíveis de ser previstas, podem ter um enorme impacto na vida das pessoas, não apenas em economia. Os modelos matemáticos são incapazes de prever também a duração de uma guerra, as chances de alguém alcançar sucesso na carreira ou a temperatura na Terra milhares de anos mais tarde. Já tive diversas discussões com Al Gore (ex-vice-presidente dos Estados Unidos), que acredita ter nas mãos uma equação perfeita para prever o aquecimento global. Ele está errado. Futurologia é astrologia. Para mim, está claro que as pessoas devem fugir do excesso de planejamento apoiado em cenários. Se um médico vai atrás da cura de uma doença e encontra, por acaso, respostas para outra, evidentemente não deve desprezar o achado. O mundo estaria bem mais evoluído se cientistas e acadêmicos não fossem tão fechados à sorte e soubessem se beneficiar mais dela.
O desprezo às previsões – Errei muito quando trabalhava em Wall Street, justamente por me fiar em cenários que quase nunca se confirmavam. Foi com alguma dor, portanto, que aprendi a ignorar solenemente as previsões financeiras. Ganhei dinheiro sendo 90% das vezes extremamente conservador e 10% radicalmente ousado. Nas crises, fui o que menos perdeu dinheiro. Os mais bem-sucedidos de Wall Street são aqueles que, como eu, desprezam as previsões. Trata-se de uma minoria. Longe dos centros financeiros, as pessoas e empresas sabem que não se vai longe com adivinhação. Nos Estados Unidos, o melhor exemplo disso é o Vale do Silício. Lá, sou aplaudido. Em Wall Street, vaiado. Os bancos estão atrasados. No Pentágono, onde participo de um comitê de consultores, modelos para prever o futuro que jamais se provaram eficazes foram descartados há muito tempo. A própria Associação Americana de Estatística me apóia. Na ausência de uma previsão confiável, eles preferem não usar nenhuma. É o que tenho dito aos integrantes das duas campanhas presidenciais: não façam políticas públicas fiando-se em previsões.

Palestra - Como identificar tendências de Alta! (Gravada)

sexta-feira, 12 de abril de 2013

Amigos,

Compartilhamos a gravação, para aqueles que não puderam se fazer presentes ontem na nossa Palestra com o tema: "Como identificar tendências de Alta! ".

Assuntos:
- É possível prever ou antecipar as tendências
- Reação x Previsão
- Viés da Tendência
- Taxa de Acerto
- Expectativa Matemática
- Observância do viés da tendência qualificada


http://youtu.be/puQGaM8CBbk


Vídeo - O Alto Preço do Materialismo

quarta-feira, 27 de março de 2013


Vale realmente a pena ver este vídeo! (compartilhado pelo Ernesto Vasserstein, no site Trader Tranquilo)

Aqui uma frase serve de baliza para as idéias transmitidas:

"O que mais surpreende é o homem, pois perde a saúde para juntar dinheiro, depois perde o dinheiro para recuperar a saúde. Vive pensando ansiosamente no futuro, de tal forma que acaba por não viver nem o presente, nem o futuro. Vive como se nunca fosse morrer e morre como se nunca tivesse vivido." Dalai Lama

http://youtu.be/OX0fvBsKy3E



Entrevista com o Analista Técnico PC Tedesco - Paulo Ramirez

terça-feira, 26 de março de 2013


O Trend Following Bovespa entrevistou o analista técnico Paulo Ramirez, conhecido nas mídias sociais como PC Tedesco.

Engenheiro Elétrico, Blogueiro e Analista Técnico da Bastter.com nos brindou com seus ensinamentos sobre especulação na renda variável, em uma entrevista sensacional.

Sites mencionados na entrevista: www.pctedesco.com.br
                                                 www.bastter.com

http://youtu.be/pVLahMmWCUk

Palestra Gratuita - Introdução ao Trend Following (Gravada)

sexta-feira, 8 de março de 2013


Para quem não pôde acompanhar ao vivo.

 Segue o link da nossa palestra gratuita no youtube.

Palestra ministrada por Fernando Vieira, sobre trend following, palestra demonstra a filosofia de como o instrutor segue as tendência dentro do mercado de ações

http://youtu.be/_oGJe2MwVIM

 

Para o investidor de longo prazo qual o valor do preço? - Por Gabriel Ribeiro

sexta-feira, 1 de março de 2013




"Para o investidor de longo prazo qual o valor do preço?" 


Por Gabriel Ribeiro - G7 Invest

http://g7invest.com.br/









Palestra bem interessante para pessoas que adotam o "Buy and Hold"

Particularmente uso esta sistemática somente para compra de Fundos Imobiliários. Confiram!

http://youtu.be/sJjKTqcb6Rg

Tutorial - Inscrição nos Cursos Trend Following Bovespa

terça-feira, 26 de fevereiro de 2013



http://youtu.be/ar7Zza8a9tY



Mais informações na aba " CURSOS", no topo do blog.



contato@trendfollowingbovespa.com



Mercado caindo? Que tal seguir Tendências?

quinta-feira, 21 de fevereiro de 2013



Você está aflito com as quedas da Bolsa?

Momentos como este servem para reavaliarmos nosso método, disciplina e, quem sabe, buscar refletir um pouco mais sobre  o que estamos fazendo no mercado.



Tranquilidade e Segurança podem ser encontrados mesmo especulando, basta escolher o simples e óbvio, seguir tendências!

O que os preços sabem que você não sabe?

segunda-feira, 18 de fevereiro de 2013

Vídeo bem interessante, mostrando que o preço é a única variável certa e real em meio à notícias, à balanços e demais indicadores econômicos.




http://youtu.be/WPy-QKXofQs

Sistema de Trading - Por Guilherme Ruffini

sexta-feira, 1 de fevereiro de 2013


Apresentamos os estudos de Guilherme Ruffini , que compartilha conosco suas ideias e ensinamentos. Acredito que temos muito a aprender com o mesmo. Um dos mais técnicos no mercado no estudo da renda variável, com muito conhecimento de estatística.





Guilherme Ruffini - Economista e consultor independente. Ênfase em métodos quantitativos e avaliação de risco.








guiruffini on livestream.com. Broadcast Live Free

Vídeo - "Cinco maiores arrependimentos antes de morrer!"

quinta-feira, 24 de janeiro de 2013

"Cinco maiores arrependimentos antes de morrer!" 

- Melhor refletir e não cometer os erros da maioria! 

Nosso blog fala de dinheiro, de especulação, tendo como fim a garantia  da nossa liberdade financeira para conseguirmos alcançar nossos sonhos!

O dinheiro não deve ser um fim em si mesmo, antes disto deve ser encarado como um meio para realizarmos nossas aspirações. 

O trabalho deve fazer naturalmente parte da nossa vida, não sendo um estorvo, mas uma satisfação.

Outros bem valiosíssimos não devem ser esquecidos, como amigos, família, lazer, diversão, ócio, vontades e individualidades.



De Trader para Trader entrevista: FERNANDO VIEIRA

sexta-feira, 28 de dezembro de 2012






Por Ícaro de Carvalho  



"A entrevista da vez ocorreu com o trader FERNANDO VIEIRA, operador de tendências a longo prazo na bolsa de valores. Após incríveis marcas de e meia de entrevistas, debatemos sobre todos os assuntos que envolvem o TrendFollowing, uma das estratégias mais vencedoras do mercado a longo prazo. Falamos sobre entradas, setups, saídas, stop, seleção de ativos e muito mais!"

http://youtu.be/XTGQCDZORJM

Excelente palestra de Russel Sands, um dos Turtles de Richard Dennis!

quinta-feira, 29 de novembro de 2012

A cada dia mais fico fan do Youtube!

Excelente palestra de Russel Sands, um dos Turtles de Richard Dennis!

"Como vencer no mercado de renda variável?

- Saiba que você não é o mais esperto, nem o mais inteligente e nem precisa sê-lo!

- Seja humilde!

- Não preveja o futuro, ninguém consegue!

- Saiba que o mercado está sempre certo, não adianta questionar a movimentação de preços!
- O preço é a realidade, o resto é achismo!

- Seguir tendências, reagindo a movimentação de preços, é o mais sensato a se fazer."

 
Trend Following Bovespa © 2012 | Designed by Bubble Shooter, in collaboration with Reseller Hosting , Forum Jual Beli and Business Solutions